Iniciando na serigrafia – O que é e o que é preciso para iniciar?

A Serigrafia é um dos processos gráficos mais antigos que se tem notícia. Tendo seu início no Japão feudal, o processo de estampar imagens em tecido se tornou tão popular que até hoje, séculos depois, ainda é admirado por muita gente e parte essencial no processo de criação de roupas.

Atualmente, várias empresas oferecem serviços de serigrafia e faturam muito! Você não precisa de muita coisa para começar, só do seu talento, alguns materiais e força de vontade para embarcar nessa jornada!

Neste artigo vamos explicar o que é a serigrafia e o que você precisa saber para começar a produzir as suas peças agora mesmo!

O que é a Serigrafia?

A serigrafia, também chamada de silk-screen, é um processo gráfico de transposição fiel de uma imagem para superfícies, que podem ser madeira, vidro, tecido e várias outras.

Hoje em dia, a serigrafia é mais utilizada na produção de camisetas, pois elas tem mais valor comercial e o tecido, especialmente o algodão, absorve a tinta facilmente e com exatidão.

A técnica por trás da serigrafia pode assustar no início, mas com um pouco de dedicação qualquer um pode aprendê-la e perceber que é mais fácil do que parece!

Muitas pessoas com facilidade para desenhar encontram na serigrafia uma forma simples de ganhar uma renda extra e até mesmo começar um negócio mais rentável. Quer saber o que existe por trás da serigrafia?

Técnica e arte

A serigrafia envolve técnica, mas, acima de tudo, arte. Cada tela que você fizer será sempre um trabalho artístico original, e cada camiseta estampada será uma reprodução da arte que você criou.

O mais recomendado é que você utilize trabalhos originais, desenhos que você mesmo criou, para transmitir originalidade ao seu negócio de serigrafia e não ter problemas futuros com direitos autorais. É sempre importante ter respeito com a arte de outras pessoas e se resguardar de maiores complicações.

Se você está ocupado demais com a produção das suas camisetas para continuar criando sempre novas telas e desenhos, considere contratar um desenhista e dividir os lucros!

Por onde começar?

Agora que você já sabe o que é a serigrafia e percebeu que ela tem a sua cara, está na hora de começar a produzir suas estampas!

Nós elaboramos uma lista dos materiais necessários para começar a trabalhar com serigrafia. Note que ter todos eles é essencial para um trabalho de qualidade.

Lista de materiais para iniciar na serigrafia:

  • Tela de seda ou nylon, que deve estar limpa;
  • Papel Canson;
  • Tinta para tecido;
  • Emulsão, que nada mais é do que um fluido sensível à luz;
  • Camiseta sem estampas, de preferência de algodão;
  • Rodo de tinta;
  • O desenho ou a imagem impressa;
  • Lâmpada ou mesa de luz;

O processo de serigrafia:

Agora que você tem todos os materiais, é hora de começar!

Um processo mais simples da serigrafia mas que não admite desenhos muito elaborados ou variedade de cores é o que utiliza um stêncil. Nessa técnica, você recorta a imagem, posiciona-a sobre a camiseta e aplica a tinta na tela de nylon, que vai por cima do desenho. Com o rodo, você deve espalhar a tinta verticalmente até garantir uma boa absorção, e depois é só deixar secar!

Para trabalhos de serigrafia mais elaborados, você vai precisar de um fotolito e depois revelá-lo. Um trabalho um pouco mais complicado, mas que pode ser feito por uma empresa especializada. Se você quiser fazer sozinho, tenha cuidado e atenção para não desperdiçar a sua emulsão e a tela.

Para fazer você mesmo, aplique óleo sobre o desenho na folha e deixe secar um pouco, até ficar transparente.

Fotolito pronto

Para revelar o fotolito e deixá-lo impresso na tela de nylon, aplique a emulsão na tela de forma uniforme e tirando os excessos e deixe secar ao ar livre, use um secador ou uma estufa para ir mais rápido.

Aplicada a emulsão, deixe-a secar, coloque o fotolito de forma centralizada na tela e jogue luz na parte de fora, tapando a parte de dentro. O tempo de revelação do fotolito vai depender da intensidade da luz utilizada.

Feito isso, tudo pronto! Lave a área em que o estava o fotolito com água e espalhe a tinta da mesma forma que você fez com o stêncil!

O tempo de secagem da sua camiseta vai depender do método que você está usando. Ao ar livre um dia de espera já é o suficiente, mas fique atento: fuligem e sujeiras podem se acumular na tinta, estragando todo o trabalho. O ideal é usar uma estufa, porém enquanto não tem o importante é fazer, é melhor feito do que perfeito, tomando certos cuidados com a secagem ao natural é possível conseguir excelentes resultados.

Agora que você fez a sua primeira camiseta com a serigrafia, repita o processo com outros desenhos e logo logo você terá o seu próprio negócio. Em um dia, as camisetas já estão secas e prontas para serem usadas e comercializadas, então não perca tempo e faça o máximo que você conseguir!

Ficou animado para começar o seu negócio de serigrafia? Confira mais posts no nosso blog para mais informações e venha nos conhecer! Trabalhamos com todos os materiais que você vai precisar!

Share this post

Deixe uma resposta